GINÁRIO SE ESPORTES SANTA CRUZ . NOVA PRATA . RS . BRASIL

@festivaldenovaprata | @festivalnovaprata

Sobre

Sobre o REALIZADOR: Bailado Gaúcho - Folclore, Arte e Danças

Em 20 de setembro de 1992, surgiu o Bailado Gaúcho – Folclore, Arte e Danças, com a proposta de pesquisar, interpretar e divulgar o folclore brasileiro em seus mais variados aspectos e nuances, traduzindo a multiplicidade cultural de um país formado por diferentes etnias, ritmos e cores. Através de intercâmbios culturais com entidades organizadoras de Festivais de Folclore no mundo inteiro, leva a cultura brasileira a outros países e recebe em Nova Prata representantes de diversas nações.

O grupo teve destacadas participações em eventos e Festivais Internacionais de Folclore no Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Itália, Chile, México e Rússia (durante as comemorações dos 850 anos de Moscou). Entidade com caráter cultural e social, sem fins lucrativos, desde sua criação tem promovido e participado de inúmeros eventos em âmbito municipal, estadual e internacional, sempre honrando e projetando positivamente o nome de Nova Prata, o que lhe rendeu a Declaração de Utilidade Pública através do Decreto Executivo Municipal nº 2.918, de 09 de setembro de 2002.

É o idealizador e realizador de vários eventos em sua cidade, especialmente o “Festival Internacional de Folclore de Nova Prata”, que, em suas edições, recebeu mais de setenta delegações estrangeiras e muitas personalidades do meio cultural. Isso muito contribui para o sucesso e credibilidade do Festival, gerando reflexos na cultura local pelo estímulo à arte a partir do contato direto com os artistas famosos e formadores de opinião.

Além disso, representantes diplomáticos e consulares da China, do Japão, de Taiwan, Gana, Alemanha, Portugal, Espanha e outros importantes países já estiveram acompanhando seus grupos conterrâneos, elogiando muito a organização do evento e contribuindo, assim, para bem divulgar a imagem de Nova Prata, do Rio Grande do Sul e do Brasil.

Sobre o EVENTO

O Festival Internacional de Folclore de Nova Prata proporciona aos habitantes locais e aos visitantes não só o contato com a cultura de outros países; permite, também, a valorização da cultura local e a participação de toda a comunidade - só em termos de voluntariado envolve mais de trezentas pessoas; cria espaços diversificados de apropriação cultural, através das oficinas de arte e convenções, espaços nos quais a comunidade local pode aprender com oficineiros e palestrantes questões importantes sobre cultura. Há que se destacar também a importância da Feira de Artesanato, onde as pessoas têm contato com trabalhos locais, regionais, nacionais e internacionais, seja em artesanato, livros ou músicas. Desde 2002, o Festival Internacional de Folclore passou a representar, para Nova Prata, a oportunidade de resgatar o seu próprio passado, num importante trabalho desenvolvido em diferentes aspectos: seja homenageando, a cada ano, um pratense que tenha contribuído com seu talento artístico, esforço e espírito comunitário para a cultura em nosso Município, seja abordando, a cada edição, uma temática diferente, baseada em fatos históricos de Nova Prata e do Rio Grande do Sul. Essa temática norteia a cenografia e a publicidade do evento, além de ser amplamente apresentada e debatida em escolas e na imprensa. No ano de 2017, em reconhecimento a sua importância e relevância no cenário artístico e cultural, o Festival Internacional de Folclore de Nova Prata tornou-se Patrimônio Cultural e Imaterial do Rio Grande do Sul, além de integrar o Calendário Oficial de Eventos do estado.

O Tema do Festival: "Todo artista tem de ir aonde o povo está"

Enquanto as atenções se voltam para o movimento colorido no palco iluminado, um outro espetáculo discretamente acontece. À sombra dos holofotes, sob o efeito hipnótico da música e das luzes cênicas, há um espetáculo feito de olhares, respirações lentas e mãos tensas que, num repente, irrompem em aplausos, sorrisos, gritos e assovios emocionados.

Para o Artista, esse é o mais importante e verdadeiro espetáculo. É quando ele observa o resultado da conjugação de seu talento e de seu esforço perseverante. É o momento de transmitir sua energia e recebê-la de volta, multiplicada, num ciclo virtuoso de admiração e agradecimento.

A Arte só é perfeita quando produz alegria, encantamento e positividade; ou quando questiona, provoca e faz pensar. Ela surge na mente e nas mãos do Artista, e já nasce precisando de corações para lhe abrigar. Ela necessita de quem a veja, ouça, toque e se emocione. Ela necessita de gente para fazer brilhar...

No ano de 2019, Nova Prata prestará homenagem à razão de ser e existir do Artista: a plateia, o público, o Povo.

De 11 a 15 de setembro, o Festival Internacional de Folclore de Nova Prata, em sua 15ª Edição, quer estender seus palcos, luzes e cores para agradecer ao seu público, razão de seu trabalho e de seu sucesso.

Pois todo Artista é pássaro procurando ninho; é barco rumo ao porto; é água deslizando para o Mar. O Artista é do povo, vem do povo e vai aonde o povo está. Sempre foi assim, sempre assim será.

Países já confirmados

  • Brasil
  • Argentina
  • Bolívia
  • Bulgária
  • Chile
  • Colômbia
  • Eslováquia
  • Filipinas
  • México
  • Paraguai
  • Romênia
  • Rússia

Patrocinadores